19.02.18

As misericórdias do Senhor

A presença do Senhor nos constrange, isso todos sabemos. Ficamos constrangidos porque, mesmo sem merecer, ele nos abençoa, protege, acalma, etc.

Quem já não esteve em completa ruína, desesperado, no lamaçal do pecado, mas, de repente, vivemos uma reviravolta impressionante com uma presença inexplicável do Deus Altíssimo.

Mas como podemos entender esse Deus?

Por que ele nos ama tanto assim?

Por que não somos consumidos pelo pecado?

A resposta está em Lamentações, no capítulo 3, versos 22 e 23: “As misericórdias do Senhor são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não têm fim; novas são cada manhã; grande é a tua fidelidade”.

PRIMEIRO PONTO
“As misericórdias do Senhor são as causas de não sermos consumidos.” Essa primeira parte do verso 22 nos remete a avaliarmos a grandeza de Deus. Porque para sermos misericordiosos não é uma tarefa fácil. Pense em alguém que já o maltratou muito, ou te humilhou na frente das pessoas, entre outros. Veja como não é fácil. Mas o nosso Deus nos surpreende, perdoa os nossos pecados e nos concede sempre uma nova chance, uma oportunidade sincera sem pedir nada em troca.

SEGUNDO PONTO
“Porque as suas misericórdias não têm fim.” Esse segundo ponto é ainda mais maravilhoso, porque nos lembra das infinitas misericórdias do Senhor. Daí paramos e pensamos: se não somos consumidos pelas misericórdias de Deus, imagine compartilharmos dessas misericórdias infinitas? Isso é maravilhoso! Somos alcançados todos os dias por algo que não tem fim.

TERCEIRO PONTO
“Novas são cada manhã; grande é a tua fidelidade.” Precisamos refletir. Se não somos consumidos pelas misericórdias de Deus; se elas são infinitas; e agora as misericórdias são novas a cada manhã; sem dúvida alguma estamos mais do que satisfeitos com o nosso Deus.  E a afirmativa final: “grande é a tua fidelidade”, comprova o Todo Poderoso que é o Senhor Jesus. Comprova que o Senhor sempre está disposto a nos perdoar!

Apesar de compartilhamos diariamente dessas misericórdias não significa que devemos viver em pecado ou praticar o mal. Devemos sim, todas as manhãs, dobrar nossos joelhos e pedir a Deus, humildemente, que nos alcance com essas misericórdias. Confie em Deus, porque Ele sempre estará pronto a te ajudar!

1 comentário

  1. Adriano
    25 de fevereiro de 2018

    Deixe uma resposta

    Eu creio na misericórdia do Senhor em minha vida. Errei sim, e errei feio! Mas tenho buscado a face do Senhor dia após dia. Deus já me perdoo, tenho certeza, mas satanás vive me acusando 24h tentando colocar dúvidas em meu coração.
    Eu tenho orado, buscando a presença do Senhor e irei continuar nessa fé.
    Tenho certeza que o Senhor me escolheu. O inferno jamais vai entender isso.

Deixe o seu comentário

*



Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>