08.03.18

Pornografia

Hoje vamos tratar de um assunto muito delicado: pornografia. Sem dúvida alguma esse é um tema muito presente em nossas vidas, até porque 12% dos sites são pornográficos.

A indústria pornográfica é lucrativa. Apenas nos Estados Unidos, na internet, gera U$2.84 bilhões por ano, enquanto a indústria pornográfica mundial mais U$4.9 bilhões. A todo segundo são gastos U$3.075,64 com pornografia e 28.258 usuários de internet estão assistindo vídeos pornô.

Os domingos, considerados por muito como um dia de Deus, o primeiro da semana e da família, no mundo pornográfico são os mais populares, quando acontecem o maior número de visitas a sites pornográficos. Um em cada três visitantes são mulheres. Além disso, 70% dos homens entre 18 e 24 anos visitam sites pornô mensalmente.

Mais de 2.5 bilhões de e-mails enviados por dia, no mundo todo, possuem conteúdo pornográfico. São 8% de todos os e-mails. 25% das pesquisas feitas na internet estão relacionadas à pornografia. São 68 milhões por dia. 35% de todos os downloads são de conteúdo pornográfico. Os tópicos relacionados à pornografia mais usados são: sexo, encontros adultos e pornografia. São feitas 116 mil pesquisas sobre “pornografia infantil” por dia.

Os dados acima são de uma pesquisa Americana, a qual membros dessa página já entraram em contato para ter acesso ao relatório final de 116 páginas. Neste documento também aponta números elevados de cristãos dentro das igrejas, tais como pastores, líderes musicais e membros em geral envolvidos e, alguns casos, até viciados com pornografia. Algo interesse é que alguns especialistas já classificam a pornografia como uma epidemia.

Atualmente, nos Estados Unidos existem clínicas especializadas em tratamento de pornografia, pois diversas  pessoas perderam o controle total. São compulsivas. Estão completamente viciadas. Não tem idade e muito menos sexo. A pornografia não é preconceituosa e aceita todos aqueles que procuram alguns “momentos de prazer”. Os efeitos da pornografia, de acordo com alguns estudiosos, são parecidos/iguais ao da cocaína e heroína.

Como nos proteger desse mal?

Como proteger nossos maridos/esposas?

Como proteger nossos filhos?

Como alertar nossos amigos em geral para o perigo?

Primeiro ponto a ser refletido é que a pornografia é pecado. Colossenses 3:5 diz: “Assim, façam morrer tudo o que pertence à natureza terrena de vocês: imoralidade sexual, impureza, paixão, desejos maus e a ganância, que é idolatria”. A prática compulsiva da pornografia, que é uma imoralidade sexual, consequentemente nos levará a doenças generalizadas até à morte física ou espiritual. “Pois o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor”, Romanos 6:23.

Você que está lendo esse texto, pode ser um viciado em pornografia e quer sair dessa situação, porque não aguenta mais cair em tentação e pedir perdão. Vive triste, amargurado, sem controle emocional, descontrolado e muito irritado com tudo e todos. Até tenta sair da pornografia, mas apenas uma mudança de canal, uma acessada na internet ou uma conferida no celular e toda  a promessa de não acessar mais pornografia é esquecida e novamente volta aos velhos hábitos.

Provérbios 28:13 nos ensina: “O que encobre as suas transgressões nunca prosperará, mas o que as confessa e deixa, alcançará misericórdia”. Tiago 5:16 completa: “Portanto, confessai vossos pecados uns aos outros e orai uns pelos outros para serdes curados. A súplica de uma pessoa justa é muito poderosa e eficaz”. É momento de confessarmos nossos pecados. Confesse essas práticas, se liberte e viva feliz, com a consciência limpa e tranquila.

Tem vergonha de falar sobre o assunto? Procure em sua comunidade cristã o pastor de sua igreja ou alguém de confiança para conversar. Ore com essas pessoas, ouça os aconselhamentos e busque orientação na Palavra de Deus. Não continue nas mesmas práticas. Jesus te ama, ama os seus e tem os maiores e melhores planos para a sua vida. Os pensamentos de Deus são amplos, mas precisamos nos limpar com o sangue do Cordeiro. Não aceite continuar na mesma situação. Dê o primeiro passo, porque o nosso Deus quer te ajudar!

Deixe o seu comentário

*



Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>